Impressora 3D de tecidos vivos é lançada pelo Rokit

InvivoAté pouco tempo atrás tudo que era relacionado a Bio-impressão 3D era inédito. Atualmente, a cada dia se ouve notícias sobre novidades neste setor. Felizmente, esse campo de pesquisa recebe mais um impulso. A fabricante de impressoras 3D com o mais rápido crescimento em âmbito mundial, a sul-coreana Rokit, acaba de lançar uma nova Bio-impressora chamada Edison Invivo.

Hoje existem vários outros fabricantes de Bio-impressoras 3D no mercado, mas existem várias desvantagens, principalmente os altos valores dos equipamentos. “Apesar do aumento da demanda na pesquisa de impressão 3D de tecidos de engenharia, os preços dos produtos existentes são muito altos. Em muitos casos, o foco da Bio-impressão 3D está na simples mecânica em vez de focar nas especificações que os pesquisadores querem”, afirmou Seok Hwan You, CEO da Rokit.

Além do mais, o modelo Edison Invivo será capaz de imprimir em uma diversidade maior de bio-materiais que outras máquinas. De acordo com a Rokit, poderão ser utilizados materiais como PLGA, PCL, PLLA, colágeno, alginato, fibroína de seda, entre outros.

Apesar ocultar o valor de venda, a Rokit garante que será significativamente mais barato que os outros equipamentos.

 

Mas está revolução não para por ai, após receber um aporte de U$ 3mi do governo sul-coreano para pesquisa de bio-impressão, a Rokit trabalha no desenvolvimento de um equipamento para impressão 3D de pele artificial. Este processo será um avanço e tanto para casos de enxerto de pele, evitando problemas como rejeições, etc.

A THB Protofast é parceira da Rokit no Brasil e acompanha de perto todas as novidades deste mercado. A Edison Invivo vem para se juntar aos modelos Edison Multi, Edison Pro, Edison H700 e Edison AEP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>