Impressora 3D de tecidos vivos é lançada pelo Rokit

InvivoAté pouco tempo atrás tudo que era relacionado a Bio-impressão 3D era inédito. Atualmente, a cada dia se ouve notícias sobre novidades neste setor. Felizmente, esse campo de pesquisa recebe mais um impulso. A fabricante de impressoras 3D com o mais rápido crescimento em âmbito mundial, a sul-coreana Rokit, acaba de lançar uma nova Bio-impressora chamada Edison Invivo. Continuar lendo

Órgãos impressos em 3D ajudam médicos a treinarem para cirurgias

cranio_100215

Réplicas de órgãos humanos feitas com impressoras 3D ajudam médicos a treinar antes de operar um paciente. A nova técnica diminui os riscos e reduz em até 30% o tempo das cirurgias (Clique aqui para ver o vídeo da matéria completa).

http://noticias.band.uol.com.br/jornaldaband/videos/2016/02/18/15773629-orgaos-impressos-em-3d-ajudam-medicos-a-treinarem-para-cirurgias.html

Armadura do Ironman impressa com impressoras Edison

rokit-3d-printing-iron-man-suit-3dison-3d-printer-1

Cada novo trabalho realizado com as Impressoras Edison reforça a sua alta capacidade de imprimir peças de alta qualidade. Confira algumas fotos da armadura do Ironman impressa pelo professor Sul Coreano,  Park Jong Sam, do departamento de Design Industrial do KEIMYUNG College University. Segundo o professor, 80% das peças foram impressas em ABS com as impressoras Edison PRO e H700 e poucas delas precisaram de pós processamento como lixamento e pintura.

Curta nossa Fanpage do Facebook e confira mais fotos deste trabalho incrível.

Clique aqui para ver mais imagens.

Calçados totalmente impressos em 3D – FIMEC 2015

Calçados impressos em 3D

A THB Protofast em parceria com o Studio 10 está apresentando na Fimec 2015 as impressoras 3D da linha Edison, aplicações para manufatura aditiva, sapatos flexíveis totalmente impressos, além dos serviços oferecidos pela empresa.

O foco nesta feira é apresentar a tecnologia 3D como uma ferramenta de auxílio no desenvolvimento de calçados, ajudando as empresas a reduzir custos bem como acelerar o processo de desenvolvimento do produto.

11080299_343168972546933_8036367953147457472_o

O designer Christian Thomas, diretor da Studio 10, afirma que “a impressão em 3D é uma opção que ainda é pouco usada pelas indústrias de calçados do Brasil”. O designer, que tem usado o sistema em suas criações, afirma que o equipamento reduz de 30 dias para um dia o tempo de produção dos protótipos de novos modelos. Os custos ficam em menos de 30% do valor do sistema tradicional, que exige a produção de matriz de aço para a construção de um protótipo. Se houver a necessidade de alguma correção no modelo, as matrizes precisam ser feitas novamente, o que demanda tempo e o dobro do custo.

Segundo Christian, a impressão 3D se encaixaria em uma das fases mais importantes do desenvolvimento de calçado, que é onde ocorre a aprovação do produtos e alterações/correções para produção da coleção.

Não é novidade para ninguém que um dos grandes diferenciais da Impressão 3D é sua versatilidade. “Já nem vejo mais como  futuro, entendo isso como presente. Não conseguiria mais imaginar, nos dias de hoje, fazer um protótipo de algum solado, calçado ou ornamento, que não fosse via CAD e impressão em 3D. A agilidade e a exatidão que se necessita estão totalmente cobertas por esse procedimento”, afirma Christian.

Fimec2015-1

Venha nos visitar na Fábrica Conceito!

Fonte:http://www.fimec.com.br/noticias/noticias.php?id=509

Edison PRO AEP – A primeira impressora 3D Desktop a trabalhar com plásticos de engenharia de alta resistência

3DISON-PRO-AED-3D-printer-3

A Rokit anunciou esta semana o lançamento do novo modelo de impressoras Desktop para impressão com plásticos de engenharia com alta resistência. A Edison PRO AEP apresenta a mesma estrutura da Edison PRO standard, com melhorias para suportar as altas temperaturas exigidas para imprimir os plásticos de alta resistência.

Continuar lendo

Impressão a jato de tinta (Material Jetting)

Objet Conex

O processo de impressão por jato de tinta foi o que popularizou o termo Impressão 3D, devido à similaridade com o processo de impressão em papel. A Impressão 3D por jato de tinta foi inicialmente desenvolvida pela empresa Objet e batizada como tecnologia PolyJet. O princípio da PolyJet é utilizar um sistema tipo jato de tinta para depositar a resina fotocurável em pequenas gotas sobre uma bandeja e, imediatamente após a deposição, lançar uma luz UV para a cura da camada (VOLPATO et al. 2007).

Continuar lendo